Euro/Crise

Alemanha defende que alterações aos tratados possam ser decididas por apenas 17 países


 

Lusa/AO online   Economia   14 de Nov de 2011, 17:47

O ministro das Finanças alemão disse que as alterações aos tratados podem ser decididas apenas pelos 17 países que partilham o euro, de modo a resolver a crise da dívida de forma mais célere.
"Se todos os 27 quiserem [participar], óptimo", disse Schaeuble no congresso da União Democrata Cristã (CDU), em Leipzig, na Alemanha.

No entanto, uma vez que alguns dos restantes 10 países já fizeram saber que não querem participar neste processo, o governante alemão pediu para não o impedirem.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.