Afetados nove voos com destino à Madeira


 

Lusa/AO Online   Nacional   20 de Out de 2014, 11:01

As más condições atmosféricas estão a condicionar esta seguna-feira o movimento no Aeroporto da Madeira, tendo impedido a aterragem de nove voos que divergiram para o Porto Santo e Canárias ou regressaram aos aeroportos de origem, disse fonte aeroportuária.

 

Segundo a mesma fonte, cinco aeronaves estão no Porto Santo, um divergiu para as Canárias, dois com origem em Lisboa regressaram à capital portuguesa e um proveniente de Gatwick aterrou em Lisboa.

“Conseguiram descolar os voos da Aerovip para o Porto Santo e o TP 1610 oriundo do Porto com destino a Lisboa”, disse a mesma fonte.

As previsões apontam que as más condições atmosféricas se vão manter “pelo menos até ao início da tarde, mas se algumas abertas permitirem os voos poderão aterrar”, disse a mesma fonte.

Também devido ao mau tempo no mar, a Porto Santo Line, empresa proprietária do navio ‘Lobo Marinho’, que estabelece as ligações marítimas entre as ilhas da Madeira e Porto Santo, decidiu cancelar a viagem de hoje, situação que afetou 187 passageiros.

"Com o aumento do vento que está previsto e com aquilo que se passou esta noite, as informações que temos de lá [Porto Santo] não são as melhores, de modo que decidimos cancelar a viagem", explicou o comandante João Bela.

Como à terça-feira é o dia de manutenção do navio, João Bela diz que caberá à empresa Porto Santo Line, decidir se a viagem se irá efetuar em dia de manutenção, ou não.

A Capitania do Porto do Funchal cancelou, entretanto, o aviso de "visibilidade má", aconselhando, porém, a que "proprietários ou armadores das embarcações tomem as devidas precauções no assegurar das respetivas condições de navegabilidade".

A Capitania mantém o aviso de mau tempo de sinal 6, de agitação marítima forte e de vento forte.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a Madeira está hoje sob aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros ou períodos de chuva por vezes forte, acompanhados de trovoada (até às 12:00) e vento forte com rajadas que podem atingir os 110 quilómetros/hora até às 18:00.

A Madeira está ainda sob aviso amarelo devido à agitação marítima, prevendo-se, até às 13:00 de hoje, ondas com quatro a cinco metros.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.