Vinhos

Adega de Borba quer apostar nos mercados da Rússia e Índia


 

Lusa / AO online   Economia   13 de Jan de 2010, 11:37

A Adega Cooperativa de Borba, que exporta 15 por cento do volume de vendas de vinho, pretende consolidar os clientes conquistados em cerca de 25 países e apostar em mercados como a Rússia e Índia.
Em declarações à agência Lusa, o director técnico da adega, Óscar Gato, observou que, nos últimos cinco anos, a empresa tem mantido a quota de exportação de 15 por cento do volume de vendas.

A empresa, de acordo com o responsável, tem apetência pelo mercado asiático, onde já conquistou clientes, sobretudo em Macau e China, embora também exporte para a Coreia do Sul e Japão.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.