Açores autorizam contratação de 30 médicos reformados

Açores autorizam contratação de 30 médicos reformados

 

Lusa/AO Online   Regional   4 de Mar de 2016, 11:20

O Governo Regional dos Açores autorizou a contratação, este ano, de até 30 médicos aposentados para o Serviço Regional de Saúde, para dar resposta à carência destes profissionais, segundo um despacho publicado hoje.

 

Já em 2015, o executivo açoriano tinha autorizado a contratação de até 20 profissionais de saúde aposentados para os hospitais e unidades de saúde.

Segundo o despacho publicado hoje, em Jornal Oficial, "em 2016 podem ser contratados até 30 médicos aposentados pelos serviços integrados no Serviço Regional de Saúde”, mediante proposta das instituições de saúde.

Segundo o executivo açoriano, esta contratação visa "dar resposta à carência de médicos que se verifica em Portugal, e em particular na Região Autónoma dos Açores, e para, assim, assegurar a manutenção dos cuidados de saúde a todos os cidadãos"

"Nestes termos, prevê-se que, mediante proposta da instituição onde as funções devam ser exercidas ou o trabalho deva ser prestado, e após autorização do membro do Governo responsável pela área da saúde, os médicos aposentados possam continuar a exercer funções", explica o despacho conjunto assinado pelo vice-presidente do Governo, Sérgio Ávila, e secretário regional da Saúde, Luís Cabral.

Um outro despacho publicado hoje em Jornal Oficial fixa o número de incentivos a conceder a pessoal médico em 2016, em várias especialidades, tendo em conta "a carência de profissionais da carreira médica nos hospitais e nas unidades de saúde de ilha do Serviço Regional de Saúde".

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.