Abandono escolar precoce na Madeira baixa oito pontos percentuais em 3 anos

Abandono escolar precoce na Madeira baixa oito pontos percentuais em 3 anos

 

Lusa/AO Online   Nacional   6 de Mar de 2015, 17:54

O secretário da Educação e Recursos Humanos da Madeira disse hoje, no Funchal, que o abandono escolar precoce na região baixou de 30% para 22% entre 2011 e 2014, mantendo-se, porém, elevado o número repetências no 2.º ciclo.

 

"De um total de cerca de 6.000 alunos [do 2.º ciclo], há 930 que têm um histórico de repetência, com duas retenções ao longo da sua curta escolaridade", disse Jaime Freitas, considerando que a situação levou o governo a pôr em prática dois projetos de luta contra o insucesso: a Capacitação dos Alunos e a Carta de Convivialidade Escolar.

"Estamos esperançados de que no ano letivo de 2015/2016 já vamos começar a ver os primeiros resultados e vão ser resultados muito práticos", disse Jaime Freitas, durante a assinatura de um protocolo entre a Secretaria Regional da Educação e a Universidade da Madeira.

O objetivo da Carta da Convivialidade Escolar é criar o melhor ambiente possível ao sucesso dos estudantes, ao passo que o projeto de Capacitação de Alunos procura envolver professores, alunos e famílias na criação de um clima escolar e familiar suficientemente estável e favorecedor do sucesso.

A Universidade da Madeira vai apoiar a secretaria regional ao nível da avaliação externa destes projetos. "Os olhares de alguém que fica fora do processo, mas que tem conhecimento perfeito da sua dinâmica, permite-nos depois introduzir aperfeiçoamentos sempre em prol do resultado que pretendemos almejar, que é o sucesso escolar dos nossos alunos", disse Jaime Freitas.

O governante destacou, por outro lado, alguns sucessos obtidos pelas escolas da Madeira como a redução do abandono escolar precoce; os resultados dos alunos do 1.º ciclo, que são superiores à média nacional; e o sexto lugar (em 30 possíveis) alcançado pela região no exame de inglês do 9.º ano.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.