Afeganistão

27 reféns dos talibãs libertados pela NATO


 

Lusa / AO online   Internacional   18 de Ago de 2010, 18:19

As forças internacionais e o exército afegão atacaram uma "prisão" dos rebeldes talibãs no sul do Afeganistão e libertaram 27 reféns, mas cinco morreram na operação, anunciaram hoje as autoridades locais.
"Um total de 27 prisioneiros foram libertados e oito talibãs e, infelizmente, cinco prisioneiros, foram mortos durante a operação", que decorreu durante a noite de terça-feira, anunciou o porta-voz do governo da província afegã de Helmand, Daoud Ahmadi.

Os rebeldes talibãs tinham prisioneiros trabalhadores de agências humanitárias e funcionários públicos afegãos em celas escondidas na aldeia de Shair Ghazi, no distrito de Musa Qala, na província de Helmand, notório por ser um bastião dos talibãs.

A força internacional no Afeganistão, comandada pela NATO, confirmou a operação num comunicado, que refere, no entanto, que os 13 mortos na acção militar eram insurrectos e que nenhum civil morreu.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.