Educação

1500 alunos em protesto nas ruas de Pontas Delgada

1500 alunos em protesto nas ruas de Pontas Delgada

 

Carla Dias   Regional   4 de Fev de 2010, 11:59

Cerca de mil e quinhentos estudantes dos ensinos básico e secundário estão nas ruas de Ponta Delgada desde as 9h30 desta quinta-feira. Os estudantes açorianos acompanham assim mais um dia de luta nacional.
Ricardo Brandão, presidente da Associação de Estudantes da Escola Secundária Domingos Rebelo, explica que os alunos estão contra as injustiças com que se debatem diariamente.

Fernando Páscoa da Associação de Estudantes da Escola Antero de Quental adianta que nos Açores as reivindicações são ligeiramente diferentes das do Continente.

A Juventude Comunista foi a única força política a acompanhar o protesto dos estudantes de Ponta Delgada. Fernando Decq Mota, coordenador regional da JCP/Açores, revela que está solidário com os estudantes.

Educação sexual efectiva nas escolas, manuais escolares mais baratos e um estatuto do aluno equiparado ao do Continente reclamam os alunos que entregaram no Palácio da Conceição as reivindicações.

Já a secretária regional da Educação, Lina Mendes, entende que a manifestação dos estudantes nos Açores não faz sentido tratando-se de desconhecimento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.