• PPM teme coligação de esquerda que crie
    O presidente do PPM defendeu este domingo que os resultados do partido foram os esperados e admitiu estar preocupado com uma coligação de esquerda que crie
    O secretário-geral do PNR, José Pinto Coelho, referiu este domingo não ter dúvidas que um próximo governo PSD/CDS-PP "não durará quatro anos" face à oposição que terá e criticou "a mentalidade estúpida do voto útil".
  • Duarte Freitas realça capacidade dos deputados eleitos pelo partido
    O líder do PSD/Açores, Duarte Freitas, afirmou este domingo que o partido elegeu "dois deputados com grande capacidade para levar as questões dos Açores à Assembleia da República", acrescentando saber que "o caminho era difícil" e agora o importante é formar um Governo da República "estável".
  • PS
    O líder do PS/Açores, Vasco Cordeiro, disse que o resultado eleitoral alcançado na região "é uma grande vitória do PS, dos Açores e da autonomia, com um crescimento de 60 pontos percentuais", sendo "a primeira vez, desde 1976, que o PS é vitorioso nos Açores quando no país o resultado é diferente".
    O fundador do Partido Unido dos Reformados e Pensionistas (PURP) considerou este domingo ter conseguido uma "boa votação" para aquela força política e prometeu "bons resultados no futuro" quando
    O cabeça de lista do Livre/Tempo de Avançar, Rui Tavares, assumiu este domingo a derrota dado o partido não ter conseguido eleger nenhum deputado, considerando sentir-se honrado e orgulhoso pelo trabalho desenvolvido desde a criação do partido.
  • PSD e CDS-PP vão reunir órgãos para formalizar acordo de Governo
    O presidente dos sociais-democratas, Pedro Passos Coelho, anunciou este domingo que PSD e CDS-PP vão reunir "de forma muito expedita" os respetivos órgãos nacionais para formalizar um acordo de Governo, na sequência da vitória nas legislativas.
  • Coligação saberá
    O líder do CDS-PP, Paulo Portas, afirmou este domingo que os partidos da coligação saberão "ler e respeitar" que os portugueses tenham transmitido com "total clareza" que querem que sejam governo mas sem maioria de mandatos no parlamento.
  • PSD/CDS-PP à frente com 36,95% e 93 deputados
    A coligação PSD/CDS-PP é a força partidária mais votada com 36,95% dos votos e com 93 mandatos nas eleições legislativas deste domingo, quando estão apurados os resultados provisórios em 3086 das 3092 freguesias, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS é a força partidária mais votada nos Açores
    O PS é a força partidária mais votada nos Açores nas eleições legislativas deste domingo com 40,37 por cento dos votos, quando estão apurados os resultados provisórios das 156 freguesias.
    O cabeça de lista por Lisboa do partido Nós, Cidadãos! (NC), Mendo Castro Henriques, considera que está criada uma marca que fará o partido crescer em futuros atos eleitorais, face aos resultados já conhecidos.
  • Manifestamente não me demito afirma António Costa
    O secretário-geral do PS assumiu este domingo a responsabilidade "pessoal" e "política" da derrota nas eleições, mas não apresentou a sua demissão do cargo e defendeu que compete à coligação PSD/CDS encontrar soluções de governabilidade.
  • PS vence nos Açores com 40,23% dos votos
    O PS é a força política mais votada com 40,23% dos votos quando falta apurar uma das 156 freguesias, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 42,67% dos votos na Praia da Vitória
    O PS foi a força política mais votada com 42,67% dos votos no concelho da Praia da Vitória, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 42,79% dos votos em Nordeste
    O PS foi a força política mais votada com 42,79% dos votos no concelho de Nordeste, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 38,31% dos votos em Ponta Delgada
    O PS foi a força política mais votada com 38,31% dos votos no concelho de Ponta Delgada, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 39,11% dos votos na Ribeira Grande
    O PS foi a força política mais votada com 39,11% dos votos no concelho da Ribeira Grande, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • Se a direita não tiver maioria não será pelo BE que formará Governo
    A porta-voz do BE, Catarina Martins, avisou estedomingo que "se a coligação de direita não tiver maioria não será pelo Bloco de Esquerda que conseguirá formar Governo", garantindo que vai rejeitar no Parlamento essa possibilidade de governo minoritário.
  • Jerónimo de Sousa destaca forte castigo a PSD/CDS
    O líder da Coligação Democrática Unitária (CDU) sublinhou este domingo que a homóloga Portugal à Frente (PSD/CDS-PP) foi "fortemente" castigada pelo povo português nas eleições e defendeu que o PS tem condições para formar Governo.
  • PS com 34,55% dos votos nas Velas
    O PS foi a força política mais votada com 34,55% dos votos no concelho das Velas, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 44,05% dos votos em Vila do Porto
    O PS foi a força política mais votada com 44,05% dos votos no concelho de Vila do Porto, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 45,03% dos votos na Lagoa
    O PS foi a força política mais votada com 45,03% dos votos no concelho de Lagoa, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 42,44% dos votos em Vila Franca do Campo
    O PS foi a força política mais votada com 42,44% dos votos no concelho de Vila Franca do Campo, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 47,86% dos votos na Povoação
    O PS foi a força política mais votada com 47,86% dos votos no concelho da Povoação, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 49,75% dos votos em Santa Cruz da Graciosa
    O PS foi a força política mais votada com 49,75% dos votos no concelho de Santa Cruz da Graciosa, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PSD com 48,56% dos votos no concelho da Calheta
    O PSD foi a força política mais votada com 48,56% dos votos no concelho da Calheta, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PSD com 42,08% dos votos nas Lajes do Pico
    O PSD foi a força política mais votada com 42,08% dos votos no concelho das Lajes do Pico, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 42,08% dos votos em São Roque do Pico
    O PS foi a força política mais votada com 42,08% dos votos no concelho de São Roque do Pico, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  •  PSD com 39,02% dos votos nas Lajes das Flores
    O PSD foi a força política mais votada com 39,02% dos votos no concelho das Lajes das Flores, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
  • PS com 56,61% dos votos na ilha do Corvo
    O PS foi a força política mais votada com 56,61% dos votos na ilha do Corvo, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
    O cabeça de lista por Lisboa do Livre/Tempo de Avançar, Rui Tavares, considerou este domingo que as projeções dos resultados eleitorais indicam que "acabou o arco da governação" e o seu partido, que poderá eleger deputados, é a novidade.
  • PS à frente com 40,60% dos votos quando estão 52 freguesias apuradas
    O PS é a força política mais votada com 40,60% dos votos quando estão apurados os resultados provisórios em 52 das 156 freguesias, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
    A CDU revelou-se este domingo satisfeita com a suposta perda de maioria absoluta da coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP), desvalorizando o facto de surgir nas sondagens atrás do Bloco de Esquerda, na sua sede de candidatura, em Lisboa.
  • PSD à frente com 39,57% dos votos quando estão 20 freguesias apuradas
    O PSD é a força política mais votada com 39,57% dos votos quando estão apurados os resultados provisórios em 20 das 156 freguesias, de acordo com os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral.
    O diretor de campanha do PS considerou que os socialistas não atingiram os seus objetivos eleitorais, mas adiantou que não há qualquer força com maioria parlamentar e que a coligação PSD/CDS "perdeu a maioria que tinha".
    A cabeça de lista do BE por Lisboa, Mariana Mortágua, afirmou que todas as projeções indicam que o BE pode estar à beira do melhor resultado de sempre, vendo com muita preocupação a possível vitória da direita.
  • PSD e CDS-PP celebram projeções com gritos de
    Candidatos, dirigentes e apoiantes do PSD e CDS-PP celebraram este domingo com palmas e gritos de "vitória, vitória" a divulgação das primeiras projeções de resultados das eleições legislativas, que dão a coligação Portugal à Frente como vencedora.
  • Projeções dão vitória à coligação PSD/CDS-PP
    As projeções da RTP, SIC e TVI dão a vitória à coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP) nas eleições legislativas deste domingo, com alguns intervalos máximos próximos da maioria absoluta.
    As projeções das televisões para a abstenção nas eleições legislativas de hoje situam-se entre os 35 e os 43%.