Videos

Loading the player...

Resultado é "derrota de Sócrates e de César"

 A presidente do PSD/Açores, Berta Cabral, manifestou o seu contentamento pela “saborosa vitória” conquistada pelos sociais-democratas nas eleições europeias nos Açores, que considerou representar a “derrota de (José) Sócrates e (Carlos) César”.

 

Imagens

Vitória do PSD em dia de subida à esquerda do PS

O PSD arrecadou a maioria dos votos num acto eleitoral marcado pela abstenção, de que a Região tornou a ser campeã com 78,3 por cento. CDU e BE subiram nestas eleições, quer a nível percentual quer em votos. CDS-PP manteve os dois eurodeputados (Mapas e gráficos na edição desta segunda-feira, 8 de Junho de 2009, do Açoriano Oriental)

 

Notícias

  • Rui Tavares eleito para o Parlamento Europeu

    O historiador Rui Tavares viu esta segunda-feira confirmada a eleição para o Parlamento Europeu em representação do Bloco de Esquerda, de acordo com fonte do Ministério da Administração interna.
  • Vitória do PSD em dia de subida à esquerda do PS
    O PSD arrecadou a maioria dos votos num acto eleitoral marcado pela abstenção, de que a Região tornou a ser campeã com 78,3 por cento. CDU e BE subiram nestas eleições, quer a nível percentual quer em votos. CDS-PP manteve os dois eurodeputados (Mapas e gráficos na edição desta segunda-feira, 8 de Junho de 2009, do Açoriano Oriental)
  • Líder regional não chega ao PE
    Paulo Estêvão apresentou-se como candidato do PPM ao Parlamento Europeu mas não conseguiu ser eleito apesar de ter tido mais votos do que o MPT.
  • Subida nos Açores
    À semelhança do que aconteceu a nível nacional, também na Região o Bloco de Esquerda aumento o número de vitos nestas eleições
    O candidato da CDU/Açores,  mostrou-se satisfeito com a votação alcançada nas ilhas
  • Emiliana Silva lança desafio aos eleitos
    Depois de agradecer a confiança dos cidadãos que votaram no CDS-PP, a candidata dos Açores, Emiliana Silva, fez questão de endereçar um desafio aos eurodeputados eleitos pelo PS e pelo PSD na Região.
  •  PSD
    A presidente do PSD, Manuela Ferreira Leite, considerou este domingo que com a vitória nestas eleições europeias o seu partido “recuperou o nítido estatuto de verdadeira e única alternativa ao PS”.
    • Contém video(s)
     A presidente do PSD/Açores, Berta Cabral, manifestou o seu contentamento pela “saborosa vitória” conquistada pelos sociais-democratas nas eleições europeias nos Açores, que considerou representar a “derrota de (José) Sócrates e (Carlos) César”.
  • César admite derrota nas eleições europeias
    O presidente do PS/Açores, Carlos César, assumiu este domingo que os resultados das eleições europeias no arquipélago “não foram” os que os socialistas pretendiam, que era vencer.
  • Resultado decepcionante mas Governo vai manter rumo
    O secretário-geral do PS, José Sócrates, considerou este domingo "decepcionantes" os resultados das eleições europeias, mas frisou que as legislativas serão diferentes e que o Governo vai manter a sua linha de rumo.
  • Berlusconi garante vitória com entre 39% e 43% dos votos
    O partido Povo pela Liberdade (PDL), liderado por Silvio Berlusconi, será o vencedor das Europeias em Itália, ao conseguir entre 39% e 43% dos votos, segundo as projecções divulgadas pela comunicação social italiana.
  •  Vitória do PP marca
    O cabeça de lista do Partido Popular (PP) espanhol, Jaime Mayor Oreja, considerou a vitória do seu partido nas eleições europeias deste domingo “um novo ciclo de esperança” em Espanha e um novo ciclo “de defesa de valores” na UE.
  • Abstenção recorde de 56,99 por cento na Europa
    A taxa de abstenção nas eleições europeias atingiu o nível recorde de 56,99 por cento, com apenas 43,01 por cento dos 375 milhões de eleitores a irem às urnas, indica uma estimativa divulgada este domingo pelo Parlamento Europeu.
  • Resultados eleitorais dão vitória ao PSD nos Açores
    Na Região Autónoma dos Açores, após contados os votos, os resultados dão a vitória ao PSD com 40.07% (19610 votos), seguido do PS com 32.86% (16081 votos).
    A CDU considerou este domingo que as primeiras projecções, que apontam para uma vitória do PSD nas eleições europeias, são “um cartão vermelho” para as “políticas de direita” do governo socialista.
  •  Um milhão e 625 mil cidadãos usaram apoios ao eleitor da DGAI
    Um milhão e 625 mil cidadãos usaram este domingo o número para envio de 'sms' (mensagens escritas) e o site da Internet da Direcção Geral da Administração Interna (DGAI) de apoio ao local de voto, afirmou à agência Lusa fonte deste organismo.
    O porta-voz do CDS-PP, Pedro Mota Soares, considerou este domingo que as projecções das eleições europeias mostram uma “forte censura ao Governo” e frisou que, a confirmarem-se, os resultados atribuídos aos democratas-cristãos superam as sondagens.
    O vice-presidente social-democrata José Pedro Aguiar Branco considerou este domingo que as primeiras projecções de resultados das eleições europeias apontam para “uma fortíssima queda do PS” e “um reforço nítido do PSD”.
    O porta-voz do PS, Vitalino Canas, afirmou este domingo que, se as projecções confirmarem o triunfo do PSD nas eleições europeias, o resultado dos socialistas "ficará aquém das expectativas".
  • Fraca participação nas comunidades portuguesas
    A afluência às urnas das comunidades portuguesas radicadas no estrangeiro foi fraca como ilustra a participação em Paris, onde votaram, até às 12:00 deste domingo e desde sexta-feira, 198 eleitores dos 38 mil inscritos.
  • Sondagens à boca das urnas dão vitória do PSD
    As sondagens à boca das urnas deram este domingo uma projecção de vitória ao Partido Social Democrata (PSD) nas eleições europeias, com intervalos entre 29 e 34 por cento dos votos.
  • Urnas encerraram com estimativas de abstenção entre 60,7% e 65,5%
    As urnas das eleições europeias deste domingo encerraram às 19:00, com as projecções avançadas a essa hora pelas televisões a indicarem uma abstenção estimada entre os 60,7 por cento (SIC) e 65,5 (TVI).
    No último dia da campanha eleitoral para as eleições Europeias, a rádio Açores TSF falou com os partidos com o objectivo de fazer um balanço desta campanha, sendo que todos os partidos consideraram que esta foi uma campanha positiva.(Com ficheiro áudio)
    A estratégia do PPM-A em relação à integração da Região Autónoma dos Açores na União Europeia (UE) passa pela construção de um paradigma de centralidade em contraponto ao actual modelo de ultraperiferia, defendeu o candidato monárquico Paulo Estêvão.
    “A SATA é dos açorianos, mas existe para servir os açorianos” disse ontem Emiliana Silva, candidata do CDS-PP/Açores na lista macional ao Parlamento Europeu, depois de um encontro com o conselho de administração do Grupo SATA, em Ponta Delgada.
    O candidato do BE/Açores integrado na lista nacional às eleições europeias, Paulo Sousa Mendes, visitou quarta-feira a delegação da ilha do Faial da UMAR -União de Mulheres Alternativa e Resposta.
    A candidata do PSD/Açores na lista nacional ao Parlamento Europeu propôs  que as universidades das regiões ultraperiféricas (RUP) tenham uma discriminação positiva por parte da União Europeia, à semelhança do que sucede com as regiões onde estão situadas.
    Acompanhados por Carlos César, na passagem pela Feira de Santana, o candidato do PS/Açores na lista nacional ao Parlamento Europeu, Luís Paulo Alves, e o número três da lista do partido, Capoulas Santos, reiteraram a sua posição contra o desmantelamento do regime de quotas leiteiras.
  • Eleições Europeias começaram esta quinta-feira
    As eleições para a escolha dos deputados do novo Parlamento Europeu, começam esta quinta-feira  em dois dos 27 Estados-membros da União Europeia, Reino Unido e Holanda.
    Por considerar que os Açores têm tido “uma eficácia muito boa” em matéria de políticas de emprego, o candidato do PS/Açores ao Parlamento Europeu, Luís Paulo Alves, defendeu esta terça-feira que os Açores devem ter a possibilidade de aplicar directamente nos seus planos de emprego as políticas comunitárias previstas para esta área.
    A criação de um POSEI para o sector da energia, de modo a permitir que a Região venha a ser um “laboratório de ensaio” na área das energias renováveis foi a proposta apresentada esta terça-feira pela candidata do PSD/Açores ao Parlamento Europeu.
    O candidato do PPM/Açores ao Parlamento Europeu, Paulo Estêvão, propôs esta terça-feira a criação de selecções desportivas açorianas, como forma de afirmar a região no mundo e de promover o acesso dos atletas do arquipélago à alta competição.
    O candidato número dois da lista do PPM, Paulo Estêvão, pretende tirar partido da posição geoestratégica dos Açores para aumentar o poder da Região na Europa, através da criação de uma Euro-região da Macaronésia e de uma secção da Frontex no Atlântico.
    Os ventos fortes que se fazem sentir esta quinta-feira nas ilhas do grupo central dos Açores afectaram as ligações aéreas, obrigando os candidatos do PS e PSD a cancelar acções de campanha.
    O coordenador regional da CDU e o candidato da coligação ao Parlamento Europeu, Aníbal Pires e Carlos Ribeiro, acusaram os candidatos do PS e PSD, Luís Paulo Alves e Maria do Céu Patrão Neves, de pertencerem a duas famílias políticas na Europa (PSE e PPE) que não terão em consideração as especificidades do arquipélago. (Com ficheiro áudio)
  • BE reclama linhas de excepção para a agricultura nas ilhas
    O candidato do Bloco de Esquerda (BE) pelos Açores às eleições para o Parlamento Europeu diz que não vale a pena “estar a cinco anos a insistir nas quotas” e aponta a criação de “linhas de excepção para os Açores” com intuito de atenuar os efeitos que o desmantelamento do regime pode ter nas ilhas. (Com ficheiro áudio)
  • PS reclama mais atenção ao Mar
    Uma maior atenção da Política Marítima Europeia às oportunidades de desenvolvimento que o Mar proporciona aos Açores e à fronteira marítima e Atlântica que o arquipélago confere à União Europeia (UE) foi a reivindicação assumida ontem pelo candidato do PS/A ao Parlamento Europeu, durante a passagem pela ilha do Pico.
  • CDS destaca as energias renováveis
    Para a candidata do CDS-PP /A ao Parlamento Europeu, o futuro dos Açores passa pelo aproveitamento dos recursos endógenos para produção das chamadas energias renováveis.
    A candidata do PSD/A ao Parlamento Europeu (PE) aproveitou a visita à ilha do Pico e à vinha para referir que nos Açores, “a preservação das nossas tradições vai conseguindo manter de forma sustentada, no plano económico, o que é genuíno da região”.
  • Diversificação é caminho de sucesso para lacticínios
    A candidata do PSD/Açores ao Parlamento Europeu defendeu ontem, em visita às Flores, que a aposta na diversificação de produtos na área dos lacticínios é um dos caminho de sucesso para o sector.
    De visita à centenária Fábrica de Cerâmica Vieira, na Lagoa, a candidata regional ao parlamento europeu pelo CDS-PP, Emiliana Silva, reafirmou a intenção de ser embaixadora dos produtos açorianos em Estrasburgo. (Com ficheiro áudio)
  • Ana Paula Simões quer mais vigilantes da natureza no Faial e Pico
    A candidata dos Partido Ecologista Os Verdes ao Parlamento Europeu, Ana Paula Simões, alertou esta terça-feira que as ilhas do Faial e do Pico, nos Açores, têm "poucos vigilantes da natureza" para assegurar a fiscalização de todas as áreas protegidas.
    O cabeça-de-lista do BE às eleições europeias, Miguel Portas, defendeu esta terça-feira o voto aos 16 anos como forma de alargar o interesse pela cidadania, apesar de reconhecer que a mudança poderia aumentar a abstenção.
    O cabeça de lista do PS às europeias, Vital Moreira, defendeu a ideia de que está em curso uma "revolução" no ensino e na formação profissional em Portugal, que atinge sobretudo as regiões do interior.
  • Bruxelas deve ter
    O candidato do PS/Açores ao Parlamento Europeu, Luís Paulo Alves, considera as acessibilidades como sendo "auto-estradas" que catapultam ou condicionam a capacidade competitiva e a mobilidade das regiões.
  • CDS-PP inicia corrida à Europa nas Flores
    O CDS-PP escolheu a ilha das Flores, o local mais ocidental da Europa, para iniciar a campanha para Bruxelas.
  • Maria do Céu Patrão Neves pede mais investimento
    A candidata do PSD/Açores ao Parlamento Europeu defendeu esta segunda-feira a necessidade de haver “mais investimento” nas redes de transportes aéreos e marítimos e de telecomunicações nas ilhas do Corvo e Flores.
    Carlos Ribeiro, docente do Departamento de Biologia da Universidade dos Açores, apresenta-se ao eleitorado no 13º lugar da lista da CDU- Coligação Democrática Unitária PCP-PEV para as eleições europeias. Apela ao voto, lembrando o trabalho dos actuais deputados  da CDU a favor dos Açores.
    A maioria das candidaturas às eleições europeias defende ou, pelo menos, admite que os poderes do Banco Central Europeu (BCE) sejam revistos, opção rejeitada apenas pelo CDS-PP e pelo MPT.
  • Defesa das águas açorianas depende dos estudos científicos
    O candidato do PS/Açores ao Parlamento Europeu, Luís Paulo Alves, considerou esta sexta-feira que a defesa das águas açorianas depende, em grande parte, dos estudos científicos realizados pelo Departamento de Oceanografia e Pescas (DOP) da Universidade dos Açores.
    A cabeça-de-lista da CDU ao Parlamento Europeu, Ilda Figueiredo, considerou “um desastre para o país” a “política de direita” que afirma ser desenvolvida pelo PS, PSD e CDS-PP em Bruxelas e em Portugal.
  • Nuno Melo  quer defender reforço da supervisão bancária
    O cabeça-de-lista do CDS-PP, Nuno Melo, pretende defender no Parlamento Europeu o reforço da legislação sobre supervisão bancária e "a aplicação máxima dos fundos comunitários", matérias que afirma distinguirem a sua candidatura das do PS e PSD.
  • Apoiar Durão por ser português é
    O apoio a Durão Barroso "apenas porque ele é português" ou ao Tratado de Lisboa apenas porque ostenta o nome da capital portuguesa são "sentimentos tão parolos quanto a história das bandeiras de Portugal durante o Euro 2004".
  • Sem maioria absoluta Governo de Sócrates já teria morrido flagelado
    Vital Moreira classifica como "francamente positivo" o mandato do Presidente da República, recusa a viabilidade de coligações em Portugal e diz que o Governo de Sócrates já teria morrido "flagelado" se não tivesse maioria absoluta.
    O cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda às europeias, Miguel Portas, pede uma “mudança de políticas e de políticos” e diz que o presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, é “o principal rosto desta crise na Europa".
    Maria do Céu Patrão Neves é a candidata do PSD pelos Açores às Eleições Europeias. Em entrevista, revela as suas motivações e ideias sobre a Europa e elege as prioridades para os Açores. (Com ficheiro áudio)
    Luís Paulo Alves é o candidato do PS pelos Açores. Lança a sua campanha sexta-feira com um jantar na Associação Agrícola. Em entrevista revela as suas ideias sobre a Europa.
    • Contém video(s)
    O AO online saiu à rua para perguntar à população se sabia a importância das Eleições Europeias (Com Vídeo)